Mundo Violeta

Um Mundo Violeta de Pura Espiritualidade
 
InícioRegistrar-seConectar-se
Estatísticas
Temos 473 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de MarshaWag

Os nossos membros postaram um total de 2426 mensagens em 1888 assuntos
Últimos assuntos
» Medusa
A BAILARINA EmptyQui 26 Mar 2015, 22:56 por tifanysangrenta

» Livro: A ilusão de Lilith
A BAILARINA EmptyQua 11 Jun 2014, 11:34 por SECRET LOBA BRANCA

» A Lenda da Estatua.
A BAILARINA EmptyDom 08 Jun 2014, 19:52 por SECRET LOBA BRANCA

» As 7 Profecias Maias
A BAILARINA EmptySex 30 Maio 2014, 05:31 por † Maurício †

» História Do Slender Man
A BAILARINA EmptySex 10 Jan 2014, 18:28 por † Maurício †

» Vampiros
A BAILARINA EmptyDom 05 Jan 2014, 19:54 por † Maurício †

» História Da Casa Do Filme The Amityville Horror
A BAILARINA EmptyQua 11 Dez 2013, 04:02 por † Maurício †

» Cuidado Com As Maças
A BAILARINA EmptyQua 11 Dez 2013, 03:54 por † Maurício †

» Sobre Wicca - Entrevista de Gilberto de Lascariz
A BAILARINA EmptyQui 05 Dez 2013, 19:21 por † Maurício †

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 1036 em Qui 18 Set 2014, 16:25
Parceiros

Compartilhe
 

 A BAILARINA

Ir em baixo 
AutorMensagem
† Maurício †
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR
† Maurício †

Mensagens : 1934
Pontos : 19815
Reputação : 11
Data de inscrição : 28/11/2011

A BAILARINA Empty
MensagemAssunto: A BAILARINA   A BAILARINA EmptySex 27 Jan 2012, 12:45

Certa vez, um amigo meu me contou que em um dia ensolarado, exausto e cansado ele chegou em sua casa por volta do meio-dia; ao perceber que, sua mãe que sozinha com ele morava naquele momento se ausentava ele foi direto para seu quarto e se pôs na frente do espelho para exprimir uma espinha que tinha em seu rosto e que o incomodava muito. Enquanto se ocupava diante do espelho em seu quarto tentando exprimir aquela espinha de seu rosto, de repente, os seus olhos no fundo do espelho viram uma mulher de pele branca, cabelos escuros da cor dos seus olhos que usava um vestido branco e que pelo espelho se podia ver que ela se encontrava por detrás dele e que o seu rosto estava desfigurado como se sofrera um grave acidente; e de tão atemorizava ficou inerte, sem se mexer. Recuperado do susto, mas, visivelmente abalado por tudo aquilo o que havia acabado de presenciar, ainda com um pouco de medo ele saiu do quarto e foi ao banheiro tomar um banho. Ao entrar no boxe já sem roupa ele ligou o chuveiro e logo se ensaboou trancando assim a porta do boxe do lado de dentro para não sujar o banheiro de espumas, mas, novamente, já não mais em silêncio ele ouviu passos no corredor (pensou que era sua mãe), e quando abriu a porta do boxe, lá estava diante dele aquela mulher que tinha o rosto desfigurado dançando balé diante dele. Outro dia, já de madrugada por volta de uma e meia, duas horas da manhã ele saiu de seu quarto onde dormia e se dirigiu até a sala, e ligou a televisão para assistir a um programa matutino (era sábado nesse dia); ele sentou no seu sofá de frente pra tv e começou a assistir ao programa, foi quando ele ouviu o seu cachorro latir do lado de fora. Então, ele olhou pela janela entreaberta e viu aquela mesma mulher debruçada sobre o muro pequeno de sua casa cantarolando suave, e acariciando o seu cachorro que estava do lado de dentro. Foi assim que ele me contou a história verídica da “bailarina”.

seth mishef
Bom Medo ExtremoA BAILARINA Novas10
Citação :
Fonte: mrmalas.com
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://mundovioleta.forumeiros.com
 
A BAILARINA
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Mundo Violeta  :: Contos | Mitologia | Lendas Urbanas | Relatos :: Lendas Urbanas-
Ir para: